Mortalidade por asma em crianças brasileiras de até 19 anos de idade no período entre 1980 a 2007

Autores: Prietsch Silvio OM, Zhang Lingie, Catharino Alessandra R, Vauchinski Larissa, Rodrigues Felipe E

Resumen

Objetivo: Avaliar a tendência de mortalidade por asma em crianças brasileiras de até 19 anos de idade no período de 1980 a 2007. Métodos: Foi realizado um estudo ecológico, de séries temporais, baseado em banco de dados do Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde, do qual foi extraído o número de óbitos por asma e a população residente de até 19 anos de idade no país como um todo. O coeficiente de mortalidade foi calculado pelo número de óbitos por asma dividido pela população, multiplicando por 100.000. Utilizou-se o teste de regressão linear para avaliar a tendencia temporal de mortalidade. Para a análise, estudaram-se separadamente três grupos etários: 1 a 4 anos, 5 a 9 anos e 10 a 19 anos. Resultados: No período estudado, ocorreram 9.051 óbitos por asma no Brasil em menores de 19 anos. Destes, 69% (6.270 registros) foram de menores de 5 anos. Observou-se um decréscimo significativo de mortalidade por asma no período em todos os grupos etários. A redução média anual do coeficiente de mortalidade por asma em crianças foi de 0,022 (p < 0,0001). De 1 a 4 anos foi de 0,076, de 5 a 9 anos foi de 0,005, e de 10 a 19 anos foi de 0,004 (p < 0,0001). Conclusão: A mortalidade por asma em crianças é baixa e mantém a tendência de queda no período estudado em todas as faixas etárias pediátricas.

Palabras clave: Asma mortalidade crianças estudo retrospectivo.

2015-02-03   |   1,043 visitas   |   Evalua este artículo 0 valoraciones

Vol. 85 Núm.3. Julio-Septiembre 2014 Pags. 181-185 Arch Pediatr Urug 2014; 85(3)